quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Zzzz!


É, coleguinhas, 08:58 da manhã, o sono que não me larga, nada para falar, a certeza de que ninguém lê o bllóóg.
É impressionante como as palavras fluíam quando eu era adolescente, especialmente se fosse para falar besteiras; taí a minha agenda na casa de Mami que não me deixa mentir.
Por falar em agenda, lembrei da Adriana que estudava comigo no Santa Isabel e desenhava super bem. Nós resolvemos criar umas historinhas sobre as colegas de classe: eu inventava o nome, ela desenhava a "personagem" e inventávamos a história: era muito engraçado!
Não me lembro das histórias, mas alguns dos nomes sim: Giselda Melda, Adriana Cai no Cano, Dedéia Lambe Geléia, Maria do Orgasmo, Genaína Puta que Daria, Ferdinanda a Tarada (esta que vos fala, ops, escreve). Infelizmente não lembro da personagem da Adriana que fazia os desenhos. Ficou muito legal. O melhor foi o da Adriana Cai no Cano, com o desenho dela caindo realmente num cano, bem "realista".
Lembrei que também fizemos uma versão de uma música do Léo Jaime, "Gatinha Manhosa". A nossa música se chamava "Galinha Feiosa" e era mais ou menos assim:
"meu bem já não precisa
cacarejar tão alto assim
brigas para depois
botar mil ovinhos pra mim
um dia galinha feiosa
eu pego você de supetão
e quero ver você
fazer manha então
com esse baita chupão
todo vermelhããoo, có cóó"
Eehh! Gudi taimis! Quem sabe eu não consigo ficar famosa como compositora de sucesso?!
Bêê Tóó.

Coleguinha acha que falar bobeira é melhor que terapia ... e mais barato.

2 comentários:

Sofia disse...

É coleguinha... acho que suas músicas fariam sucesso. A diferença entre seus diários na casa de mami e o blog, é que vc tem acesso ao blog de qualquer lugar e ainda pode mostrar pros coleginhas. Escrever é bom, mesmo queninguém leia.
beeeto.

Claudão disse...

Mas se vc perseverar algum dia, em algum lugar, de alguma forma, alguém, com toda certeza, sem sombra de dúvida, lerá o seu bolog.